A Esperança de Ana

EsperancaAna

A infertilidade, a morte de um bebé “in utero”, uma gravidez que não chega ao seu termo, a morte de um bebé após o seu nascimento… são questões muito difíceis de abordar, porém são a realidade de muitas mulheres e de muitos casais.

Muitos de nós não imaginamos, mas provavelmente conhecemos e contactamos todos os dias com alguém que passou ou está a passar por estes acontecimentos de vida, profundamente marcantes e dolorosos. Não imaginamos porque muitos casais já se sentem de tal forma feridos, quer pela situação em si, quer pela incompreensão dos que os rodeiam, que preferem “calar” aquilo que estão a viver.

Mesmo em contexto familiar ou de Igreja, nem sempre se sentem compreendidos, quando escutam palavras como: “Vocês são novos, têm tempo!”, “Para a próxima vai correr melhor!”, ou “Deixa lá, afinal ainda tinhas tão pouco tempo de gravidez…” Por muito bem-intencionadas e consoladoras que as pessoas procurem ser, um outro filho nunca substituirá o que partiu e isso gera ainda mais dor, dificultando o processo de luto do casal.

Projecto “A Esperança de Ana”

É neste contexto, que um jovem casal, também ele com a vivência da perda de dois filhos, procurou viver na fé esta sua experiência e dar-lhe um sentido. Formaram em 2015 uma equipa com o objectivo de acolher, orientar e acompanhar estes casais na sua dor. Assim surge o Projecto A Esperança de Ana, nome de inspiração bíblica, lembrando Ana, uma mulher que esperando em Deus, depois de muita oração, acaba por lhe ser concedida a graça de dar à luz Samuel (cf 1 Samuel 1).

A equipa é composta pelo conselheiro espiritual, Pe. Jorge Anselmo, psicóloga, enfermeiras e casais com a vivência da perda de seus filhos durante a gravidez ou em contexto perinatal. O projecto A Esperança de Ana propõe assim um caminho de recuperação espiritual e psicológica na dor da infertilidade ou da perda de um filho durante a gravidez.

Acção do Projecto “A Esperança de Ana”

O objectivo do projecto é que cada pessoa procure integrar no seu caminho esta experiência, à luz da vida de Cristo. Pretende-se um acolhimento, acompanhamento e compreensão em Igreja, de cada pessoa e do casal. A dor da infertilidade ou da perda de um filho são vividas de formas diferentes no casal e são um momento de crise na família.

Cada um faz individualmente o seu processo de luto, sendo aqui importante a participação no retiro desenvolvido pelo projecto. A participação no retiro é dos momentos mais significativos neste processo de cura. Aqui é possível um encontro consigo próprio, com o esposo/a e o encontro individual e do casal com Deus, através da oração, de exercícios espirituais e de psicoterapia.

O retiro dirige-se a famílias que enfrentem questões de fertilidade, tenham passado pela experiência de um aborto espontâneo ou morte perinatal; familiares e amigos de quem passou por esta experiência ou profissionais de saúde.

O próximo retiro terá lugar no Seminário de Almada de 30 de Junho a 2 de Julho.
Ainda estão abertas inscrições!

Além do retiro, a cada dois meses acontecem encontros de oração e partilha, na Capela da Ordem Hospitaleira de S. João de Deus, em Lisboa. Aqui é possível um encontro de maior proximidade da equipa d’A Esperança de Ana com os casais e famílias alargadas que de alguma forma procuram num primeiro contacto, um espaço onde podem rezar pelos seus bebés, recordá-los, partilhar a sua história e falar das suas dificuldades, sem reservas, num ambiente acolhedor com outros que valorizam aquilo porque estão a passar e a sentir.

Sempre que se considere necessário é possível encaminhamento da pessoa ou do casal para acompanhamento psicológico.

No próximo dia 15 de Outubro será ainda celebrada Eucaristia em memória dos bebés que permanecem vivos nos corações dos seus pais e pelas suas famílias.

Contactos

Este é um projecto que procura ser uma resposta de Igreja, que nasce no Patriarcado de Lisboa, porém deseja crescer e ser um recurso acessível a todos quantos procuram apoio na Igreja, em qualquer parte do país.

Para isso é importante que os párocos conheçam A Esperança de Ana e o dêem a conhecer, de forma a conseguirem apoiar e encaminhar aqueles que procuram ajuda nas suas comunidades paroquiais. A equipa da Esperança de Ana está disponível para as paróquias, para os párocos e pode ser contactada de diversas formas.

Além da disponibilidade para um encontro pessoal, o projecto tem ainda um número de telemóvel disponível 24h por dia, onde quem contacta é acolhido no seu sofrimento por um elemento da equipa com uma experiência de perda semelhante.

É possível ainda contactar através do endereço electrónico e através da página do Facebook, onde são actualizadas todas as actividades desenvolvidas pel’A Esperança de Ana.

Telemóvel: 926 748 886
E-mail: esperancadeana@gmail.com
Facebook: https://www.facebook.com/esperancadeana

Pela equipa do Projecto “A Esperança de Ana”,
Ana Paula Ferreira e João Alberto, pais do Francisco e do Matias
Paróquia de Pinhal de Frades – Vigararia do Seixal

Partilhe nas redes sociais!
14 de Junho de 2017