Atualização do Clero das Dioceses do Sul conta com a presença do Presidente do Conselho Pontifício da Cultura

20180125-Formacao-Clero-Sul

Realiza-se na próxima semana, de 29 de janeiro a 01 de fevereiro, a atualização do Clero das Dioceses do Sul (Setúbal, Évora, Beja e Algarve). A formação decorre no Algarve, é organizada pelo Instituto Superior de Teologia de Évora, e subordinada ao tema “Desafios para uma Igreja Semper Renovanda” – Secularização, Diálogo, Discernimento.

Entre os oradores convidados está o Cardeal Gianfranco Ravasi, Presidente do Conselho Pontifício da Cultura, que no dia 30 de janeiro profere a conferência “Diálogo: a nova postura de uma Igreja «em saída»”.

Para além deste responsável da Santa Sé, as jornadas de formação do Clero do Sul, contarão ainda com a intervenção do teólogo Juan Pablo García, do investigador Sérgio Ribeiro Pinto e do antigo comissário europeu João de Deus Pinheiro.

No dia 29 deste mês, Juan Pablo García, religioso da Ordem Trinitária e professor da Universidade Pontifícia de Salamanca, abordará o tema “Vaticano II, sinal de uma Igreja aggiornata, num Mundo em mutação”.

No dia seguinte, 30 de janeiro, Sérgio Ribeiro Pinto, investigador do Centro de Estudos de História Religiosa da Universidade Católica Portuguesa, falará sobre “As múltiplas raízes da Secularização nos países de tradição religiosa cristã” e João de Deus Pinheiro, antigo comissário europeu e antigo ministro dos Negócios Estrangeiros, sobre “Os desafios que a Europa e o projeto europeu nos colocam”.

No dia 31 têm lugar duas mesas redondas sobre o tema “Diálogo em várias frentes”. A primeira abordará as questões da ética e ciências da vida pelos especialistas Michel e Isabel Renaud, e do diálogo interreligioso por Susana Mateus, investigadora do Centro de Estudos de História Religiosa da Universidade Católica Portuguesa. A segunda incidirá sobre as dimensões dos cristãos na política por José Filipe Pinto, investigador e coordenador do Centro de Investigação em Ciência Política, Relações Internacionais e Segurança, e da educação e ensino pelo ex-presidente do Conselho Nacional de Educação, David Justino.

No último dia, as jornadas encerram-se com o painel sobre “Experiências positivas de diálogo e evangelização, numa sociedade multicultural, multirreligiosa e secularizada” constituído por representantes das dioceses.

Da nossa Diocese de Setúbal estarão presentes cerca de trinta sacerdotes e diáconos, acompanhados pelo Bispo diocesano, D. José Ornelas.

AS

Partilhe nas redes sociais!
26 de Janeiro de 2018