Seminarista Cláudio Rodrigues foi instituído Leitor em dia festivo no Seminário de Almada

20180125-Claudio-Leitor-07

O Seminário de São Paulo, em Almada, esteve ontem em festa. No dia da celebração do seu padroeiro, 25 de janeiro, o seminarista Cláudio Rodrigues foi instituído Leitor. Na ocasião, o Bispo de Setúbal, D. José Ornelas, pediu-lhe para “estudar, viver e anunciar a Palavra”.

Cláudio Rodrigues tem 23 anos de idade e é originário da Paróquia de São Francisco Xavier no Monte de Caparica. Chegou ao Seminário de Almada com 18 anos, em 2013 depois de ter estudado Humanidades. Tinha a forte convicção de que ia ser político, mas esse não foi o chamamento de Deus para si.

Ao chegar o primeiro passo público em direção à ordenação presbiteral, Cláudio afirma: “Muito me alegro com este dia, pois ele é a continuação de um longo caminho até ao Sacerdócio. Aqui está o primeiro reconhecimento oficial que a Igreja faz da minha vocação, quanta alegria”.

D. José Ornelas, na sua homilia, disse ao seminarista Cláudio: “Terás que ser homem da Palavra de Deus, e deves estudá-la e aprofundá-la para que chegue a toda a Igreja com toda a honestidade e clareza. O teu modo de estar, fiel à Palavra, há de ser motivo para o povo de Deus estudar, viver e anunciar esta Palavra”.

“Para que o tempo de Deus cresça”

Dirigindo-se a todos os amigos e familiares ali apresentes, o Bispo diocesano sublinhou que “a Palavra não é simplesmente discurso, mas Cristo vivo que leva Paulo converter-se e a reconhecer Cristo, seu Senhor. Este encontro ​de Paulo ​com Jesus é escola para cada um e cada uma de nós”, disse.

Em dia de festa no Seminário, D. José Ornelas afirmou: “É Cristo que vai chamando e enviando para o serviço, mas é o Seminário que realiza o eco da voz de Deus que chama. ​Aqui vive-se um tempo de preparação para que o tempo de Deus cresça, para que se entenda o projeto de Deus e se coloque ao serviço dele em gestos, atitudes e palavras”.

O Reitor do Seminário, Padre Rui Gouveia, deixou a todos uma palavra de gratidão pela presença, carinho e apoio, recordando, agradecido, D. Manuel Martins, o primeiro Bispo de Setúbal que há 25 anos fundou o Seminário Diocesano.

Anabela Sousa

Partilhe nas redes sociais!
26 de Janeiro de 2018