Pastoral das Missões: “Summer3Fest” levou jovens para a missão na Costa de Caparica

20180715-Summer3Fest-Encerramento-24

Nas vésperas do aniversário da criação da Diocese de Setúbal, de 13 a 15 de julho, o Secretariado Diocesano da Pastoral das Missões promoveu, no Parque Urbano da Costa de Caparica, um festival de Verão, o Summer3Fest, subordinado ao tema “A Felicidade está aqui”, com o objetivo de proporcionar aos jovens da diocese sadina, um tempo de missão e evangelização. A missa de encerramento foi presidida pelo Bispo de Setúbal, D. José Ornelas.

Durante os três dias de evangelização existiram formações, tendo sido lançado um convite aos jovens participantes, para irem ao encontro das pessoas no meio do parque e da praia, ali mesmo ao lado, anunciando o Amor de Deus.

Houve também jogos, danças, e uma tenda que foi preparada para Adoração ao Santíssimo Sacramento. Os dias terminaram, sempre, com a celebração da Eucaristia com sacerdotes disponíveis para o sacramento da Reconciliação.

Existiram, também, momentos de convívio e partilha da vida a partir dos testemunhos de diversos missionários presentes, e concertos musicais que foram dinamizados pelas comunidades envolvidas na organização do evento.

“Uma Igreja que não é missionária é uma Igreja que morre”

O Bispo de Setúbal, D. José Ornelas, que presidiu à Eucaristia de encerramento deste tempo de missão, afirmou na ocasião que Deus tem uma missão para cada um: “Deus cuida de nós, tem um projeto para nós e dá-nos a força necessária para a missão a que nos chama. Que possamos descobrir esse projeto porque Deus conta connosco para a construção de uma Igreja melhor, de um mundo melhor, anunciando o seu Evangelho”.

Considerando que o próximo biénio pastoral, na Diocese, será dedicado aos jovens, D. José Ornelas afirmou que quer os jovens em missão. “Nesta Igreja de Setúbal temos que procurar estar fora das nossas igrejas. No próximo biénio dedicado à juventude, temos que partir com os jovens em missão. São eles que estão no mundo e têm que dar testemunho”, disse.

No final da Eucaristia, o Bispo diocesano deu a bênção e enviou os participantes para serem missionários, agora, no seu dia-a-dia, anunciando, nos seus ambientes, a Boa Nova do Evangelho e apelou, uma vez mais, a uma Igreja em saída: “Uma Igreja que não é missionária é uma Igreja que morre – disse – Que sejamos capazes de levar o Amor de Deus aos outros, num projeto de paz para o mundo, indo ao encontro dos que mais precisam”.

Festival Summer3Fest vai voltar em 2019

O encerramento deste festival de Verão contou, ainda, com o testemunho de três jovens que partilharam, com os presentes, a importância daqueles três dias de missão e evangelização.

Já o Padre Carlos Silva, diretor do Secretariado Diocesano da Pastoral das Missões, assinalou que, ao longo daqueles dias passaram por aqui cerca de cento e cinquenta missionários, de diversos grupos e movimentos da Diocese, e anunciou que esta é uma missão a repetir-se, já no próximo ano de 2019, nos dias 12, 13 e 14 de julho.

O sacerdote afirmou, ainda, que “é preciso que esta missão se repita ao longo dos dias” e que na preparação para o Summer3Fest de 2019 procurarão animar, motivar e sensibilizar a Diocese, ao longo do ano, para esta esta missão: Não sabemos o que vai dar, queremos continuar a semear para, antes de mais, reanimar a nossa fé. Quando saímos das nossas portas, recebemos mais do que damos”.

Promovido pela Pastoral das Missões das Diocese de Setúbal, este festival foi organizado em comunhão com algumas comunidades religiosas, tais como, a Comunidade Shalom, a Aliança de Misericórdia, as Servas e Servos de Maria e o Instituto Hesed. Teve, ainda, o apoio da Juventude Rivier, do Corpo Nacional de Escutas em Setúbal, da Cáritas Diocesana, do Santuário de Cristo Rei, da Pastoral da Juventude de Setúbal e da Câmara Municipal de Almada.

Anabela Sousa com Secretariado da Pastoral das Missões da Diocese de Setúbal

Partilhe nas redes sociais!
18 de Julho de 2018