Juventude: Mais de 1700 jovens de Setúbal responderam ao questionário “Faz-te Ouvir!”

A Pastoral da Juventude de Setúbal divulgou, no passado dia 14 de julho, algumas conclusões do questionário “Faz-te Ouvir! – A Igreja em caminho com os jovens” que decorreu entre fevereiro e março deste ano, dirigido aos jovens, crentes e não crentes, da região de Setúbal. Foram mais de 1700 os jovens que participaram e se fizeram ouvir, no âmbito da preparação para o Sínodo dos Bispos sobre a Juventude que decorrerá em Outubro.

Nos resultados agora divulgados, a Pastoral da Juventude diocesana informa que os jovens participantes esperam que a Igreja Católica responda com verdade, que os ajude a procurar respostas e explicações, e que tenha abertura à realidade e necessidades do mundo hoje. Esperam, também, acolhimento e aceitação, um olhar mais próximo ao de Jesus, e querem, por isso, coerência entre o que se professa e o que se testemunha.

De acordo com os resultados do questionário, os jovens pedem, ainda, uma linguagem próxima e acessível, uma comunicação simples e eficaz, assim como uma Igreja que os ajude a crescer nas relações, dado que sentem necessidade de ser mais e melhor acompanhados no seu discernimento vocacional.

Os jovens destacam que “querem ser ouvidos e ter um papel ativo nas decisões da Igreja” e apontam alguns obstáculos, como por exemplo, o facto de não terem, eles próprios, disponibilidade ou experiência, mas também o de encontrarem Paróquias fechadas à participação ativa da juventude.

O inquérito intitulado “Faz-te ouvir! – A Igreja em caminho com os jovens” foi realizado no contexto do próximo Sínodo dos Bispos, sobre «Os jovens, a fé e o discernimento vocacional», convocado pelo Papa Francisco e que se vai realizar de 03 a 28 de outubro de 2018.

Esta iniciativa realizou-se depois de encontros com os responsáveis de secretariados, grupos e movimentos juvenis, representantes dos institutos de vida consagrada e instituições sociais católicas que apoiam jovens em situação de risco, durante o mês de janeiro.

Já em maio e junho de 2017, a Pastoral da Juventude de Setúbal tinha reunido com os agentes responsáveis da pastoral juvenil na diocese.

Anabela Sousa com Secretariado Diocesano da Pastoral da Juventude de Setúbal

Partilhe nas redes sociais!
18 de Julho de 2018